A inveja mora mais perto do que você imagina. Cuidado!

Compartilhe...Share on FacebookShare on Google+Tweet about this on TwitterPin on PinterestEmail this to someone

Sabe aquele ditado que diz que inveja é uma m$#@%?

Então, super acredito nisso.

E vou além, coisa ruim só existe em gente ruim.

Então cuidado, viu!

Blinde-se desse tipo de gente.

E não deixe que esse povo te desestabilizar e te tirar do caminho do bem.

Quando começamos a emagrecer (ou quando atingimos o nosso peso ideal), esse tipo de gente fica louca da vida, uma tiririca, porque não conseguem lidar com o sucesso alheio.

E começam a fazer de tudo para te tirar do sério e despertar de novo a Bolotinha Diaba que vive dentro da gente.

Porque, afinal, essa turma não consegue mudar a situação dela.

Beijinho no ombro pra inveja passar longe.kkkk!

Não caia nas provocações não. Ouça e ignore.

Quer ver frases típicas desse tipo de pessoa:

“Nossa, você consegue ser feliz comendo isso?”

“Ai, isso que você come não é comida de gente. Credo, como você consegue?”

“Vamos comer uma pizza hoje e você tem que ir, porque você anda insuportável com essa coisa de dieta”.

“Ai, pra que ir na academia?!? Isso só é gasto de dinheiro porque depois de um tempo todo mundo para de ir.”

“Você acha que está bem, mas ainda é gorda, viu!” (Nêgo fala isso mesmo quando vc já está no imc normal, diminuiu uns 3 números de manequim e o mundo te fala que você já está ótima).

Com todo o meu garbo, intelecto e elegância, hoje em dia ignoro solenemente gente assim.

Em outras épocas, isso ia me desestabilizar, mexer profundamente com a minha autoestima.

Hoje em dia eu nem ligo.

Olho com compaixão para esse tipo de gente, que normalmente tem problemas gravíssimos de autoestima e autoaceitação e sentem um prazer inenarrável em provocar e machucar os outros. Já que não conseguem se suportar, precisam irritar quem está de boa para levarem todo mundo parai mesmo buraco negro onde vivem.

No fim das contas, faça o que é importante pra você e não se importe com o que os outros estão falando. E, para o seu bem, tente manter a maior distância possível dessas almas pouco evoluídas.

Siga meu Instagram @amandabrum13

Curta meu Facebook www.facebook.com/emagrecebolotinha

Compartilhe...Share on FacebookShare on Google+Tweet about this on TwitterPin on PinterestEmail this to someone

Inspiração: JLo revela seu segredo de sucesso para manter a forma

Compartilhe...Share on FacebookShare on Google+Tweet about this on TwitterPin on PinterestEmail this to someone

Eu acho a Jennifer Lopez uma das mulheres mais lindas e incríveis do showbizz. Para mim, o corpo dela é sensacional, porque se aproxima do que é real e possível para 90% das mortais: ele tem curvas. Ela está longe de ser esquelética, e também não faz o tipo marombeira com os músculos saltando.

Fuçando pela internet achei uma entrevista que ela deu à revista Women’s Fitness, da Inglaterra, sobre seus hábitos alimentares. E sabe o que ela diz?

“Um pedacinho de algo que engorda não vai te matar. O problema é quando você come a caixa toda”, profetiza a musa. “Dá para desfrutar de suas comidas preferidas sem culpa, basta ter sensibilidade e consciência alimentar.”

JLo conta que come de tudo um pouco, mas sempre com moderação. Esse é o segredo de sucesso dela.

Siga meu Instagram @amandabrum13

Curta meu Facebook www.facebook.com/emagrecebolotinha

 

Compartilhe...Share on FacebookShare on Google+Tweet about this on TwitterPin on PinterestEmail this to someone

Saiba por que vale a pena beber café antes de se exercitar

Compartilhe...Share on FacebookShare on Google+Tweet about this on TwitterPin on PinterestEmail this to someone

Uma pesquisa publicada no Journal of Applied Physiology (Jornal de Fisiologia Aplicada) atesta que as pessoas que bebem café ou líquidos ricos em cafeína antes do treino rendem mais, têm mais disposição para malhar e se sentem mais satisfeitas com o exercício físico.

O estudo submeteu as pessoas à seguinte rotina: tomar uma xícara de café ao acordar, fazer um pouco de atividade física em seguida, tomar outro copo de café com o café da manhã e uma última dose com o almoço. Os que tomaram café de verdade sentiram os benefícios: mais disposição, satisfação e melhor rendimento. Os que foram submetidos ao placebo (café sem cafeína) não relataram essas experiências.

O estudo constatou também que quem toma cafeína com frequência antes dos treinos também melhora os hábitos alimentares. O levantamento identificou que quem faz isso costuma consumir em média 72kcal a menos do que quem não consome cafeína antes de malhar.

Outro estudo, realizado pelo Australian Institute of Sport (Instituto Australiano de Esporte), descobriu que a cafeína estimula os músculos a usar a gordura armazenada ao invés do carboidrato como fonte de energia. O estudo constatou que os atletas que beberam café antes do treino conseguiram render por 3 vezes mais tempo do que os demais.

Outro levantamento, publicado pelo  journal Medicine and Science in Sports and Exercise (Jornal de Medicina e Ciência do Esporte e Exercício) constatou que ingerir cafeína antes do treino pode elevar sua potência no treino de 5% a 8%.

A cafeína também aumenta os índices de estamina e melhora a performance física, de aocrdo com pesquisadores da Universidade da Georgia (EUA), que também constatou que a substância age como anestésico, bloqueando a dor muscular e a fatiga, o que te ajuda a se exercitar por mais tempo.

Moral da história: a cafeína pode tornar seu treino mais divertido e ainda o impede de comer demais ao longo do dia. Viva!

Siga meu Instagram @amandabrum13

Curta meu Facebook www.facebook.com/emagrecebolotinha

Compartilhe...Share on FacebookShare on Google+Tweet about this on TwitterPin on PinterestEmail this to someone

Variar para não se lascar: siga essa regra e garanta menos kg e mais energia

Compartilhe...Share on FacebookShare on Google+Tweet about this on TwitterPin on PinterestEmail this to someone

Uma das leis básicas da boa nutrição é variedade.

Eu já ouvi isso de médicos com quem me consultei, de nutricionistas das mais diferentes linhas, de nutrólogos, de grupos de apoio ao emagrecimento do qual participei, do Vigilantes do Peso, li em zilhões de matérias jornalísticas publicadas nos mais diferentes veículos de comunicação, enfim já recebi essa informação  de todo canto.

E, para minha surpresa, eu me dei conta que ando variando muito pouco.

E isso não é bom para a minha saúde e nem para a saúde de ninguém.

A variedade é importante porque cada alimento traz nutrientes diferentes para o seu organismo. E se você estiver ingerindo sempre os mesmos itens, fatalmente estará deixando de dar ao seu corpo nutrientes que ele necessita para funcionar direito.

Eu sei que é difícil, especialmente para quem tem família pequena, que nem eu, mas a gente tem que tentar e se esforçar.

A minha ‘desculpa’ vinha sendo que não  dava para eu variar muito porque senão os alimentos estragavam. Como eu tinha feito, tinha que ingerir.

Isso é bobagem. Hoje existe freezer. Dá para porcionar o que eu preparei e congelar.

No caso dos alimentos frescos, realmente fica mais difícil. Morro de dó de comprar legumes e verduras e vê-los estragarem na geladeira porque eu e meu noivorido não damos conta de comer tudo.

Mais uma vez há alternativas para isso.

No caso dos legumes, dá para congelar também.

Nas verduras, o jeito é comprar porções menores. A gente paga um pouco mais caro, mas pelo menos não desperdiça.

E vamos que vamos, que estou cada dia mais de olho no que eu coloco no prato.

Mais do que ficar com o corpo enxuto e no peso ideal, preciso garantir muita saúde para o meu organismo, para que eu desfrute do bem-estar.

Siga meu Instagram @amandabrum13

Curta meu Facebook www.facebook.com/emagrecebolotinha

Compartilhe...Share on FacebookShare on Google+Tweet about this on TwitterPin on PinterestEmail this to someone

Abandone 6 hábitos simples e emagreça sem sofrer

Compartilhe...Share on FacebookShare on Google+Tweet about this on TwitterPin on PinterestEmail this to someone

Se você é do tipo que está sempre seguindo a dieta da moda na tentativa de se manter em forma, eis uma má notícia: você não vai conseguir permanecer magra. Pelo menos de acordo com Fiorella DiCarlo, especialista em nutrição ouvida pela revista Women’s Health. De acordo com ela, para finalmente ver seus resultados de emagrecimento perdurarem, você precisa romper 6 hábitos. São eles:

 

Banir um alimento

Todo mundo tem um alimento que não consegue resistir, mas bani-lo totalmente da sua vida só vai fazer com que esse alimento se torne ainda mais atrativo, pelo simples fato dele ser probibido. Na opinião dela, o melhor é comer esse alimento de vez em quando e com moderação (ou seja, ela segue a mesma linha do post que publiquei ontem.)

 

Dormir pouco

A ciência já provou de várias formas diferentes que quem dorme pouco não tem os mesmos resultados de emagrecimento do que quem tem boas noites de sono. Quem dorme mal sente mais fome e fica exposto a mais episódios de destempero.

 

Fazer dietas radicais

Comer só frutas? Tomar só líquidos? Comer só proteínas? Seguir dietas restritas não é saudável e, segundo estudos, elas não funcionam porque desaceleram o seu metabolismo, o que significa que você tem mais chances de ganhar os quilos que eliminou pouco tempo  depois, segundo a especialista.

 

Tomar porres homéricos

Não dá para sair por aí tomando todas e depois encher a cara de comida gorda para controlar a ressaca. A dica da especialista é nunca abusar do álcool e sempre forrar o estômago com alimentos saudáveis antes de tomar uns drinks.

 

Pular refeições

Se você é da turma que acha que se não almoçar, mas jantar algo leve, estará ingerindo menos calorias e, portanto, vai emagrecer mais rápido, você está redondamente enganado(a). DiCarlo conta que os hormônios da fome e da saciedade funcionam melhor quando são estimulados a cada 4 horas. “Se não forem estimulados assim, eles podem te levar a um destempero na próxima refeição, gerando abusos e deixando seu metabolismo confuso.”

 

Comer alimentos sem gordura

A gordura não é uma vilã e precisamos dela para nos sentirmos completos e saciados. Elas também ajudam no transporte de alguns nutrientes vitais ao nosso organismo.

 

Siga meu Instagram @amandabrum13

Curta meu Facebook www.facebook.com/emagrecebolotinha

Compartilhe...Share on FacebookShare on Google+Tweet about this on TwitterPin on PinterestEmail this to someone

Saiba comer 4 alimentos engordativos sem lascar com a dieta

Compartilhe...Share on FacebookShare on Google+Tweet about this on TwitterPin on PinterestEmail this to someone

A especialista em fitness e perda de peso Marisa Peer defende que o melhor jeito para sucumbir às tentações é comer os alimentos que você adora de forma consciente, ou seja, somente nas ocasiões especiais e nas quantidades que não vão prejudicar o seu peso e sua saúde.

“Quando você para de proibir a si mesmo, você tem menos tendência a consumir esses alimentos de desejo de forma desenfreada e mais chances de desfrutar essas tentações nas quantidades apropriadas e somente de vez em quando”, explicou em entrevista à revista Women’s Fitness, da Inglaterra.

Ou seja, a lei aqui é da moderação.

Se for para tomar sorvete todo dia, não vai funcionar. Mas se você reservar essa delícia para uma vez por semana e a eleger como a única escapada da dieta que terá naquele período e se restringir a tomar apenas um copinho pequeno, mal não há de te fazer.

Agora se você decidir tomar todos os dias e optar por aqueles baldes de 300 gramas a porção, aí não tem saúde que resista, dieta que dê resultado e roupas que continuem a te servir, colega!

Veja algumas sugestões de como lidar com as delícias que mais atormentam as pessoas mundo à fora.

Um bom profissional de nutrição pode ajudá-lo a colocar essas e outras delícias no seu cardápio sem prejudicar seus planos de saúde e bem-estar.

Chocolate

O melhor momento para se comer é no café da manhã, de acordo com um estudo recente publicado pela Universidade de Tel Aviv. Segundo o levantamento, consumir doces no começo do dia é mais apropriado porque é quando o metabolismo está mais acelerado e os impactos dele para a sua manutenção de peso e para a sua saúde são menores.

Durante 32 semanas, todos os participantes da pesquisa ingeriram a mesma quantidade de calorias por dia. Mas um grupo não comeu chocolate no café da manhã e o outro ingeriu uma fatia de bolo de chocolate na primeira refeição do dia. Ao término do estudo, constatou-se que os que comeram chocolate perderam 18kg a mais que os participantes do grupo que não ingeriu a guloseima.

Milkshake

Se você for louco por essa bebida, o ideal é ingeri-la depois de praticar exercícios cardiovasculares de longa duração, como uma corrida. Um estudo publicado pelo The International Journal of Sport Nutrition and Exercise Metabolism (Jornal Internacional de Nutrição Esportiva e Metabolismo do Exercício) provou essa tese.

Nove ciclistas pedalaram até a exaustão e depois descansaram por 4 horas. Durante esse intervalo, cada um consumiu um repositor de energia: teve achocolatado feito com leite desnatado, Gatorade, e outras bebidas esportivas ricas em carboidratos. Quando eles voltaram a pedalar até a exaustão, aqueles que beberam o achocolatado foram capazes de pedalar por uma distância maior e mais rápido que os demais.

Mas, atenção, fazer 20 minutos de corrida ou 1 hora de aeróbico na academia na ‘boa’, sem grandes esforços do seu corpo, não te capacitam a tomar um milkshake sem ônus para a sua dieta, viu! Isso vale para quem realmente faz atividade física muito, mas muito intenssa.

Hambúrguer

Esse bichinho é difícil de encaixar na dieta, mas se for para comê-lo, que seja antes de um belo treino com musculação e aeróbico. Um estudo da Universidade de Illinois (EUA) contatou que uma refeição pré-treino como carne e ovos pode ajud´-alo a queimar mais gordura durante a atividade física e ajuda a aumentar o crescimento de massa muscular. O ideal é comer de 30 minutos a 2 horas antes da atividade física, dependendo do tamanho da refeição.

Mas, atenção, nada de exagerar nos molhos (maionese não!) e cair de cara nos acompanhamentos. Batata frita e onion rings estão fora dessa brincadeira! E se der para optar por um pão integral, melhor ainda.

Pão branco

Se for para ingeri-lo, que seja antes do treino. É consenso que consumir carboidratos processados é ruim porque faz com que sua taxa de insulina tenha picos. Mas se você fizer isso antes do treino, você força seu organismo a consumi-lo durante a atividade física, porque seu corpo precisa de energia.

Siga meu Instagram @amandabrum13

Curta meu Facebook www.facebook.com/emagrecebolotinha

Compartilhe...Share on FacebookShare on Google+Tweet about this on TwitterPin on PinterestEmail this to someone

Dieta Dukan: receita de pudim de framboesa é ótima pedida para domingão. Veja!

Compartilhe...Share on FacebookShare on Google+Tweet about this on TwitterPin on PinterestEmail this to someone
Esse pudim é uma excelente opção  para sobremesa do almoço de domingo. Foto: Amanda Brum

Esse pudim é uma excelente opção para sobremesa do almoço de domingo. Foto: Amanda Brum

Esse pudim de framboesa é uma excelente pedida para a sobremesa do almoço de domingão.

E você não levará nem 1 hora para terminar tudo.

Os seus familiares e convidados que não estão de dieta mal vão notar a diferença dos pudins normais.

Sempre que faço em casa é um sucesso total.

Ah, a receita peguei do Instagram da @jogaucha2. Para quem não conhece a história dela, confira a entrevista que fiz há algum tempo.

 

Ingredientes

3 ovos

2 col de sopa de adoçante em pó culinário

6 col de sopa de leite em pó desnatado

500ml de leite desnatado líquido

1 pacote de gelatina diet de framboesa

 

Modo de preparo

Bata todos os ingredientes no liquidificador. A gelatina não precisa preparar, é só jogar o pozinho mesmo na mistura.

Leve para asssar em banho-maria e forno preaquecido a 210 graus por 50 minutos.

Eu cubro com papel alumínio por 40minutos e tiro os últimos 10minutos para pegar uma corzinha.

 

Rendimento:

8 porções de cerca de 85kcal cada.

 

Crédito:

REceita da @jogaucha2

O meu sempre quebra e fica horroroso. Por isso sirvo já fatiado. Afinal, apesar da má aparência, o sabor é delicioso. Foto: Amanda Brum

O meu sempre quebra e fica horroroso. Por isso sirvo já fatiado. Afinal, apesar da má aparência, o sabor é delicioso. Foto: Amanda Brum

 

Siga meu Instagram @amandabrum13

Curta meu Facebook www.facebook.com/emagrecebolotinha 

Compartilhe...Share on FacebookShare on Google+Tweet about this on TwitterPin on PinterestEmail this to someone

Dieta Dukan: receita de bicho de pé mata larica desde a fase de ataque

Compartilhe...Share on FacebookShare on Google+Tweet about this on TwitterPin on PinterestEmail this to someone

 

Essa receita é uma ótima pedida para deixar sempre prontinha no seu freezer. É 100% a prova de jaca! Foto: Amanda Brum

Essa receita é uma ótima pedida para deixar sempre prontinha no seu freezer. É 100% a prova de jaca! Foto: Amanda Brum

 

Gente, essa receita de bicho de pé é simplesmente sensacional.

Eu a conheci no Instagram da @jogaucha2, uma das minhas musas inspiradoras.

Para quem não a conhece, já a entrevistei e contei a história dela aqui (basta clicar no link para ler). 

Pois bem, voltando à receita: para fazê-la a pessoa não precisa de prática, tampouco habilidade.

Anota a receita, corre pra cozinha e você não se arrependerá.

 

Ingredientes:

3 col de sopa de leite em pó desnatado

2 col de sopa de gelatina em pó diet sabor morango

1 col de sopa de adoçante em pó

2 col de sopa de leite desnatado líquido

Modo de fazer:

Misture todos os ingredientes sólidos depois acrescente bem aos poucos o líquido até criar um creme.

Divida em 4 forminhas e leve ao freezer por algumas horas.

 

Rendimento:

4 porções de cerca de 40kcal cada

 

Crédito:

Receita do Instagram da @jogaucha2

 

Siga meu Instagram @amandabrum13

Curta meu Facebook www.facebook.com/emagrecebolotinha

 

Compartilhe...Share on FacebookShare on Google+Tweet about this on TwitterPin on PinterestEmail this to someone

Dia Mundial da Alimentação: veja 10 passos para tornar a sua mais saudável

Compartilhe...Share on FacebookShare on Google+Tweet about this on TwitterPin on PinterestEmail this to someone
Foto: Corbis Royalty Free

Foto: Corbis Royalty Free

Você sabia que hoje é o Dia Mundial da Alimentação?

É sério!

E tem data melhor para você refletir e ver o que pode fazer para melhorar a sua?

Comer bem é fundamental para ter mais energia, disposição e saúde. Ou seja, é o melhor remédio para ter saúde.

Encontrei um material do Ministério da Saúde que é sensacional e nos ajuda a refletir um pouco sobre a forma com que nos alimentamos.

Depois de apresentar um teste simples para ver qual é a qualidade da nossa nutrição, ele traz dicas para que com pequenas adequações consigamos mudar o padrão da nossa alimentação (quer conhecer o material? clique aqui!)

Eu separei um pedacinho e publico aqui para vocês os 10 passos para tornar sua alimentação mais saudável.

Olha só:

1. Faça pelo menos três refeições (café da manhã, almoço e jantar) e dois lanches saudáveis por dia. Não pule as refeições

2. . Inclua diariamente seis porções do grupo de cereais (arroz, milho, trigo, pães e massas), tubérculos como as batatas e raízes como a mandioca/macaxeira/aipim nas refeições. Dê preferência aos grãos integrais e aos alimentos na sua forma mais natural. Observação: essa quantidade não se aplica a quem segue a Dieta Dukan, ok!

3. Coma diariamente pelo menos três porções de legumes e verduras como parte das refeições e três porções ou mais de frutas nas sobremesas e lanches.

4.  Coma feijão com arroz todos os dias ou, pelo menos, cinco vezes por semana. Esse prato brasileiro é uma combinação completa de proteínas e bom para a saúde

5.  Consuma diariamente três porções de leite e derivados e uma porção de carnes, aves, peixes ou ovos. Retirar a gordura aparente das carnes e a pele das aves antes da preparação torna esses alimentos mais saudáveis!

6. Consuma, no máximo, uma porção por dia de óleos vegetais, azeite, manteiga ou margarina. Fique atento aos rótulos dos alimentos e escolha aqueles com menores quantidades de gorduras trans

7. . Evite refrigerantes e sucos industrializados, bolos, biscoitos doces e recheados, sobremesas doces e outras guloseimas como regra da alimentação

8. . Diminua a quantidade de sal na comida e retire o saleiro da mesa. Evite consumir alimentos industrializados com muito sal (sódio) como hambúrguer, charque, salsicha, lingüiça, presunto, salgadinhos, conservas de vegetais, sopas, molhos e temperos prontos.

9.  Beba pelo menos dois litros (seis a oito copos) de água por dia. Dê preferência ao consumo de água nos intervalos das refeições.

10. Torne sua vida mais saudável. Pratique pelo menos 30 minutos de atividade física todos os dias e evite as bebidas alcoólicas e o fumo. Mantenha o peso dentro de limites saudáveis.

Siga meu Instagram @amandabrum13

Curta meu Facebook www.facebook.com/emagrecebolotinha

Compartilhe...Share on FacebookShare on Google+Tweet about this on TwitterPin on PinterestEmail this to someone

Dieta Dukan: receita de bolo de tangerina pode desde a fase de ataque. Veja!

Compartilhe...Share on FacebookShare on Google+Tweet about this on TwitterPin on PinterestEmail this to someone
Esse bolo é fácil e rápido de fazer e pode desde a fase de ataque da Dieta Dukan.

Esse bolo é fácil e rápido de fazer e pode desde a fase de ataque da Dieta Dukan.

Esse bolo de tangerina é uma mão na roda.

Eu o adaptei do bolo de iogurte, cuja receita está no livro “Confeitaria Dukan”.

Com as mudanças que eu fiz achei que o bolo ficou muito mais leve, cremoso e saboroso.

Ele é uma ótima pedida para café da manhã, lanche da manhã e lanche da tarde.

E o melhor de tudo: é só bater todos os ingredientes no liquidificador.

Ou seja, qualquer pessoa é capaz de fazer.

Quer ver?

 

Ingredientes

4 col de sopa de farelo de aveia

5 ovos

1 iogurte desnatado natural 0% gordura

6 col de sopa de leite desnatado em pó

2 col de sopa de adoçante culinário

2 colheres de café de fermento em pó quimico

1 saquinho de gelatina diet de tangerina

1 saquinho de suco em pó diet sabor tangerina

 

Modo de preparo

Bata todos os ingredientes no liquidificador, colocando por último o fermento em pó.

Dica: se você quiser um bolo bem cremoso e levinho, deixe os ovos bater primeiro que tudo por uns 2 ou 3 minutos. Depois acrescente os outros ingredientes líquidos e, por último, os sólidos.

Asse em forno pré-aquecido a 180 graus por 40 minutos.

 

Rendimento:

10 fatias de cerca de 85kcal cada.

Quantidade de farelo de aveia por porção: 0,4

Compartilhe...Share on FacebookShare on Google+Tweet about this on TwitterPin on PinterestEmail this to someone