Marmita garante dieta barata e eficiente

Pra mim, o jeito mais fácil, barato e eficiente de fazer dieta direitinho é levando marmita para o serviço. Eu mesma faço minha comidinha, sei o que tem lá, q qualidade dos ingredientes e não corro o risco de no restaurante a quilo pegar só uma bananinha à milanesa ou só uma coxinha ou só um chocolatinho na hora de pagar. Minha lancheira anda carregada: hoje tem 1 litro de chá verde, 1 prato de peito de frango picado com brócolis, um potão de folhas frescas, frango desfiado para o lanche da tarde e gelatina diet. E você, também carrega marmita? O que tem hoje na sua? #marmitadabolotinha #emagrecebolotinha #equilibrioentrecorpoemente

Quer comer barato, saudável e ainda emagrecer? Invista na marmita

Recebo muita mensagem de meninos e meninas que dizem que querem fazer dieta, mas que não conseguem porque tudo é muito caro.

Alô!

Tenho a solução para você, colega!

Basta investir na boa e velha marmita.

Há uma semana tenho carregado a minha para o trabalho e estou feliz da vida.

A minha marmita de hoje está recheada: salada de folhas, molho de mostarda sem açúcar com requeijão 0% gordura, escondidinho light de couve flor com carne moída e doce de abóbora de sobremesa.Para os lanchinhos estou levando 1 pote de iogurte desnatado natural, 5 fatias de peito de peru light e 4 fatias de rosbife. Ai coloco tudo numa lancheira térmica. Só sucesso! Foto: Amanda Brum

 

Veja algumas das milhares de vantagens:

  • A comida é mais fresca, porque foi feita na sua casa e você sabe exatamente quando saiu da panela para o seu prato.
  • Os pratos podem ter bem menos gordura e sal, porque quem prepara é você ou alguém que mora contigo. Essa pessoa pode te ajudar a diminuir esses dois itens que são inimigos de algumas dietas, como a Dieta Dukan, que eu sigo.
  • Você tem mais condições de controlar o tamanho das porções, porque prepara e monta a marmita em casa. Eu pesei todos os dias os meus pratos e ficou muito mais fácil de fazer o controle de quantas calorias eu estava ingerindo.
  • Não há risco de haver conservantes para o prato durar mais ou ficar mais bonito para encher os olhos do cliente de ânimo.
  • Você come o que você gosta, porque é natural que a comida de casa seja mais focada nos pratos que são mais familiares e agradáveis ao seu paladar e da sua família.
  • Você tem menos chances de cair em tentação, porque não estará exposto (a) aos alimentos perigosos quando estiver com o estômago gritando de fome. Vai dizer que a chance de você pegar um pedaço de lasanha no quilo é gigantesca quando você está faminto, nervoso e num quilo daqueles com todas as bobagens ao alcance da colher de servir? Eu tenho comido minha marmita e saído para caminhar em seguida, até dar meu horário de almoço. Aí, colega, nem me dói olhar para aquelas vitrines de doces, sorvetes e chocolates, porque já estou satisfeita e saí sem grana no bolso para evitar qualquer larica louca.
  • Você economiza horrores. Para você ter uma ideia, na minha primeira semana no novo emprego almocei restaurante a quilo. O dia em que gastei menos paguei R$ 11,50 pelo prato que não tinha quase nada. O dia em que minha marmita foi mais cara não passou de R$ 6,00.

 

Gostou da ideia?

Entra nessa comigo, colega!

Se você usa Instagram e Facebook, aproveita para taguear suas fotos de marmita com #marmitadabolotinha .

Aí a gente vai espiando o prato da galera e se inspirando para variar mais e mais.

 

Para carregar a comida, você não precisa de muito não.

Até pote de sorvete limpo e bem fechadinho serve.

O ideal, dizem os especialistas, são as marmitas de vidro.

Meu cunhado me indicou uma loja perto da casa dele que me fez quase pirar de tanta alegria.

É um local especializado em marmita, e lá a maioria é de plástico mesmo.

Chama-se Bento Store.

Foi lá que comprei o meu kit pretinho, que estou usando todos os dias desde então.

Mas me apaixonei por várias outras, como essa branquinha especializada em sopas.

Essa sopeira não é sensacional? Eu quero muito uma. Só que a grana não deu. Deixa, mês que vem eu compro. Foto: Amanda Brum

Mas… tendo em vista que o dinheiro anda curto e a loja é bem cara, vou me contentar em comprar um potinho por mês, no máaaaaximo, até completar a coleção com a qual sonho e morro de paixão.

🙂

Achei esse porta-lanchinhos maravilhoso e super prático. Já consigo me imaginar andando pela Av. Berrini, onde trabalho, com um treco desses. Muito cool! Foto: Amanda Brum

 

Olha essa lancheira térmica que luxo! E a marmita então? Achei essa tampa de inox chiquérrima. Foto: Amanda Brum

 

Essa aí é igual a minha marmita pretinha de 2 andares. Gostei demais também dos porta molhos. Viram ali no fundo? Fofos, não? Foto: Amanda Brum

Vamos que vamos.

Tem que fazer por merecer.

Do céu só cai água, pedra e neve.

Siga meu Instagram @amandabrum13

Curta meu Facebook www.facebook.com/emagrecebolotinha